Vida terrestre

Proteger, restaurar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres, gerir de forma sustentável as florestas, combater a desertificação, travar e reverter a degradação dos solos e travar a perda de biodiversidade.

1,6 biliões
Cerca de 1,6 bilhão de pessoas dependem das florestas para sua subsistência.
80%
As florestas abrigam mais de 80% de todas as espécies terrestres de animais, plantas e insetos.
2,6 biliões
2,6 biliões de pessoas dependem diretamente da agricultura para sobreviver.
33%
As soluções climáticas baseadas na natureza podem contribuir com cerca de um terço das reduções de CO2 até 2030.
125 triliões de US$
O valor dos ecossistemas para os meios de subsistência e bem-estar humano é de 125 triliões de dólares norte americanos por ano.
60-80%
As regiões montanhosas fornecem entre 60% a 80% da água doce da Terra.

A subsistência da vida humana depende da terra assim como dos oceanos. A vida vegetal corresponde a 80 por cento da dieta humana e nós dependemos da agricultura como importante fonte económica e de desenvolvimento. Florestas ocupam cerca de 30 por cento do território do planeta Terra criando ambientes vitais para milhões de espécies e importante fonte de água e ar limpos. Estes ambientes também são cruciais para combater as alterações climáticas.

 

Hoje vemos uma degradçaão do solo sem precedentes e uma perda de terras cultiváveis de 30 a 35 vezes maior do que a média histórica. Secas e desertificação também aumentam a cada ano, junto com a perda de 12 milhões de hectares que afetam diretamente comunidades mais pobres de todo o planeta. Das mais de 8300 espécies de animais conhecidas, oito por cento estão extintas e 22 por cento em risco de extinção.

 

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável procuram conservar e restaurar a utilização do ecossistema terrestre, como as florestas, os pântanos, as zonas secas e as montanhas até 2020. Travar a desflorestação também é vital para mitigar o impacto das mudanças no clima. Ações urgentes precisam ser tomadas para reduzir a perda de ambientes naturais e biodiversidade que são parte do nosso património comum.

i
Metas do Objetivo 15 Proteger, restaurar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres, gerir de forma sustentável as florestas, combater a desertificação, travar e reverter a degradação dos solos e travar a perda de biodiversidade
15.1 Até 2020, assegurar a conservação, recuperação e uso sustentável de ecossistemas terrestres e de água doce interior e os seus serviços, em especial florestas, zonas húmidas, montanhas e terras áridas, em conformidade com as obrigações decorrentes dos acordos internacionais.
15.2 Até 2020, promover a implementação da gestão sustentável de todos os tipos de florestas, travar a deflorestação, restaurar florestas degradadas e aumentar substancialmente os esforços de florestação e reflorestação, a nível global.
15.3 Até 2030, combater a desertificação, restaurar a terra e o solo degradados, incluindo terrenos afetados pela desertificação, secas e inundações, e lutar para alcançar um mundo neutro em termos de degradação do solo.
15.4 Até 2030, assegurar a conservação dos ecossistemas de montanha, incluindo a sua biodiversidade, para melhorar a sua capacidade de proporcionar benefícios que são essenciais para o desenvolvimento sustentável.
15.5 Tomar medidas urgentes e significativas para reduzir a degradação de habitat naturais, travar a perda de biodiversidade e, até 2020, proteger e evitar a extinção de espécies ameaçadas.
15.6 Garantir uma repartição justa e equitativa dos benefícios derivados da utilização dos recursos genéticos e promover o acesso adequado aos recursos genéticos.
15.7 Tomar medidas urgentes para acabar com a caça ilegal e o tráfico de espécies da flora e fauna protegidas e agir no que respeita tanto a procura quanto a oferta de produtos ilegais da vida selvagem.
15.8 Até 2020, implementar medidas para evitar a introdução e reduzir significativamente o impacto de espécies exóticas invasoras nos ecossistemas terrestres e aquáticos, e controlar ou erradicar as espécies prioritárias.
15.9 Até 2020, integrar os valores dos ecossistemas e da biodiversidade no planeamento nacional e local, nos processos de desenvolvimento, nas estratégias de redução da pobreza e nos sistemas de contabilidade.
15.a Mobilizar e aumentar significativamente, a partir de todas as fontes, os recursos financeiros para a conservação e o uso sustentável da biodiversidade e dos ecossistemas.
15.b Mobilizar recursos significativos, a partir de todas as fontes, e a todos os níveis, para financiar a gestão florestal sustentável e proporcionar incentivos adequados aos países em desenvolvimento para promover a gestão florestal sustentável, inclusive para a conservação e o reflorestamento.
15.c Reforçar o apoio global para os esforços de combate à caça ilegal e ao tráfico de espécies protegidas, inclusive através do aumento da capacidade das comunidades locais para encontrar outras oportunidades de subsistência sustentável.

Objetivos em ação